Na estante: Moda intuitiva

00:27

Neste Natal fiz uma cartinha pro Papai Noel (tenho 5 anos, me julguem) e uma parte dela compartilhei aqui no blog com vocês. Montei uma "wishlist de livros de moda" mostrando todos meus desejos literários do momento. Eis que minha sogra muito fofa e leitora frequente aqui do blog comprou um deles e me deu de Natal (junto com um lápis de olho SENSACIONAL do Boticário, em breve tem resenha)! Fiquei pulando de alegria porque de todos esse era um dos que eu mais desejava. 

Comecei a leitura no mesmo dia, mas por conta das festas de final de ano, frequentes trabalhos meus aqui no blog e alguns compromissos, acabei abandonando o livro um pouquinho. MAAAAAAS, nessa semana que passei em Fortaleza devorei livros como ninguém, e aí pude terminar finalmente o meu queridinho. 

O livro é de um bom gosto indescritível, desses que a gente vê desde a primeira folheada que o autor tomou todo o cuidado possível para tornar o livro perfeito. E pois bem, Cris conseguiu. Além de cativar o leitor instantaneamente por suas diversas imagens muito bem fotografadas, o livro encanta pela escrita leve, fácil, descontraída e esteticamente falando, muito bem apresentada. Típico livro chiclete, quando a gente engata na leitura, fica difícil largar.

"A nudez revela o nosso corpo. Mas o que escolhemos para vestir entrega nossa alma"

 "Autoestima é como um músculo que deve ser frequentemente exercitado."

As imagens do livro são retratos da própria autora e seus looks. Todas as páginas tem, no mínimo, uma fotografia e eu me apaixonei ainda mais pelo livro por conta disso. É tão bom ler algo e também poder enxergar o que está sendo dito, sabe?

"Pessoas de estilo não se preocupam com o que está "na moda". E muitas vezes já usaram, sem saber, o que é considerado tendência. Pessoas de estilo têm um pacto com o bom gosto, não com a moda."

 "Uma das coisas mais importantes que você precisa entender na descoberta do seu estilo pessoal é que quando mais você quiser parecer ser, menos será."

O livro, apesar de dar muitas dicas bacanas, não é um manual da moda. A autora ensina como a gente pode encontrar o nosso próprio estilo, ao invés de simplesmente aprender "como se vestir", sabe? Segundo Cris, o essencial é conhecer a si mesmo, testar coisas novas sempre e, custe o que custar, parar um pouco de se importar tanto com o que os outros pensam ou deixam de pensar. Eu mesma muitas vezes já deixei de usar alguma roupa pois tive medo da reação das pessoas. Hoje em dia estou mais flexível em relação a isso tudo e sim, o livro foi um grande apoio para essa trava que eu tinha comigo mesma. 

"Se a vida lhe der um limão e uma camisa social do ex-namorado, faça uma limonada e um vestido, complete com um salto e vá brilhar por aí."

"Luxo, de verdade, não é o que você pode comprar, e sim o que é capaz de escolher."

Para encerrar, nas últimas páginas do livro é possível encontrar várias dicas de diversos sites maravilhosos com dicas de moda e estilo.

Eu achei o livro extremamente completo e ele correspondeu todas as minhas expectativas, fiquei realmente encantada e entrou, sem sobras de dúvidas, para a minha lista de favoritos.

Para quem tiver interesse, o livro está disponível na livraria Saraiva por um preço super acessível, na minha opinião.

Por hoje é só, amores. Tenham um ótimo dia! Beijos, beijos. <3




Você talvez vá gostar

0 comentários

Mande um recadinho!

Facebook