Dicas para se dar bem na escola

00:00

Várias vezes eu já deixei de postar aqui no blog, deixei de atualizar o canal e também de responder as perguntas no ask.fm do blog dizendo que eu estava estudando. E é verdade. A partir disso, muitas meninas vêm me pedindo diariamente para escrever um post com dicas para se dar melhor na escola e melhorar as notas. 

Vou ser sincera com vocês, eu sempre me dei bem na escola, nunca fui a CDF da turma, mas sempre com notas boas, sabe? E por isso eu não estudava, achava que sempre podia dar o meu jeitinho. Aí, na sétima e na oitava série eu fui "empurrando com a barriga" praticamente, de tão pouco que eu estudei. O resultado? Peguei recuperação em matemática nas duas séries. Então, no primeiro ano do ensino médio, quando eu troquei para uma escola bem mais exigente e difícil, eu decidi que as coisas deveriam mudar (ou achei que tinha decidido). Comecei o ano quase na mesma: esforçada, mas nem tanto. Tirei duas notas abaixo no boletim: física e matemática. Aí sim que eu vi que a coisa era séria, sabe? 

No segundo trimestre do 1º ano eu me joguei de cabeça. Nenhuma nota abaixo no boletim (a média da minha escola é 7). No terceiro trimestre? Notas melhores ainda! E foi aí que eu vi que estudar valia muito a pena, sim! Percebi que no inicio poderia ser chato, mas o bom resultado é muito recompensador. Dormir com a cabeça tranquila e sem medo do fim do ano, realmente não tem preço, viu?

Esse ano, no segundo ano do ensino médio, minhas notas continuam boas e têm crescido cada vez mais. E sabe o que aconteceu com tudo isso? Eu me conheci melhor, aprendi o que é bom e prático para mim na hora dos estudos. Além disso, percebi também que tenho dificuldade em me concentrar no primeiro trimestre, mas o segundo é sempre muito melhor. Pra vocês terem noção, no primeiro teste de matemática do ano eu tirei 6 (e a matéria era fácil!), agora, no último teste que eu tive, eu tirei 9,3! =) Ou seja, estou mais concentrada, atenta e estudiosa. Ponto pra mim!

Bom, sem mais delongas, querem saber algumas dicas para se dar bem na sala de aula (e fora dela também)? Vem comigo!


NA ESCOLA

Preste muita atenção na aula! Isso parece muito básico, né? Mas faz total diferença, sério. Muitas vezes durante uma prova eu consegui responder uma questão porque lembrei da explicação do meu professor e não das coisas que estudei em casa. Eu gosto de sentar bem na frente na sala de aula, porque aí eu consigo ouvir melhor o professor. Uma dica bem boa que pode ser incluída nessa é: faça anotações! Minha mãe vive me dizendo que na faculdade o professor não escreve nada no quadro e vai da sua conta anotar o que ele diz ou não. Desde agora eu tenho praticado isso e tem me ajudado bastante. Entretanto, faço isso somente nas matérias mais teóricas como Português, Filosofia...

Crie grupos de estudo! Em toda sala de aula existe alunos com mais facilidade, outros com menos, isso é normal. Uma dica muito boa para se fazer antes de provas é montar grupos de estudos com seus colegas. O mais legal é que os que dominam bem a matéria podem treinar ensinando e respondendo as dúvidas dos que não sabem, assim como os que não dominam tanto podem aprender e receber uma explicação diferente da do professor, que muitas vezes ajuda. Ás vezes eu e meus colegas nos reunimos na biblioteca antes de um teste e estudamos juntos, meio que debatendo o assunto. É muito bom! :)

Faça todos os exercícios que o professor dá! Eu sei mais do que ninguém que conversar com o colega do lado, fofocar, ouvir música ou qualquer outra distração é muito melhor e mais legal do que fazer equações matemáticas ou redações, mas acredite, a sala de aula é o melhor lugar para trabalhar. É que se você faz em casa, podem surgir muitas dúvidas que não poderão ser respondidas naquele momento e depois você pode até se esquecer de perguntar. Na aula não. Se a dúvida aparece, o professor está ali à disposição para respondê-la.

Mantenha a calma! "Eu posso, eu sei, eu consigo!" Essa dica é fundamental para os dias de avaliação. Eu já fui muito mal em testes onde eu sabia de cor e salteado toda a matéria por ficar com aquele pensamento horrível: "mas e se eu for mal? Eu não sou boa em matemática!". Isso melhorou o dia que minha mãe me deu uma sacudida e disse para eu tirar isso da cabeça, porque eu sabia SIM a matéria e eu tinha muita capacidade de tirar 10 se eu estudasse. E sério, isso transformou a minha vida. Eu sempre vou com o pensamento de que vai dar tudo certo e, se eu sei a matéria (é claro), sempre funciona. Vale tentar, viu?

EM CASA

Revise! Algo que eu prego fielmente mas não cumpro tão fielmente assim é essa regra. É que ultimamente meus dias têm sido tão lotados que não me resta tempo, sabe? Mas eu tento! Todo dia a noite, revise a matéria que você terá no outro dia. Por exemplo: se amanhã eu terei aula de matemática, biologia, física, espanhol e filosofia, hoje a noite eu reviso tudo o que eu tive na ultima aula de cada uma dessas matérias, sabe? Isso ajuda você a chegar na aula dominando melhor o assunto, sem ficar boiando nos primeiros dez minutos. Além disso, auxilia na hora que você for estudar para provas, afinal, você já leu aquilo tantas outras vezes que será mais fácil de estudar.

Pesquise em outras fontes! Nem sempre o livro é a melhor fonte para você. Em geral os livros didáticos são super teóricos e neles são usadas palavras complicadas, que podem dificultar o seu estudo. Por isso é sempre bom procurar referências em outros lugares, como outros livros, Google, mas principalmente: vídeos aula! NADA me ajuda mais do que isso, sério. Quando eu não entendo muito bem uma matéria, sempre digito no Youtube "vídeo aula probabilidades - biologia", por exemplo. Geralmente os professores são muito bons e muito mais dinâmicos do que o seu da escola (sério!). Além disso, eles possuem técnicas de ensino diferentes, o que é sempre muito útil.

Leia mais! Isso todo mundo já está careca de saber: quem lê muito sempre escreve muito melhor também. É que quando você lê, você tem contato com uma variedade enorme de maneiras de empregar as palavras, conhece palavras novas também e muitas outras coisas. Isso auxilia você principalmente em matérias como Português, Filosofia, História, Geografia, etc., pois são disciplinas mais teóricas onde você precisa escrever bastante. E, como a ortografia, nexo e muitos outros aspectos contam na avaliação, dominar o que está fazendo é essencial, né?

Durma bem! Essa dica parece bobagem e coisa que mãe fala, né? Mas não é! Dormir bem é essencial para quem quer ter um bom desempenho na sala de aula, porque o cérebro está bem descansado e tranquilo, sem pensar o quanto seria maravilhoso estar em casa dormindo. Hahaha.

Resuma! Antes de todas as provas eu sempre faço um super resumo com a matéria, leio mil vezes, peço para minha mãe me fazer questões orais e escritas a respeito do conteúdo, etc. O ideal é não só ler, mas também, depois de escrever e ler algumas vezes, fechar os olhos e tentar falar em voz alta o que está escrito, ou então "ensinar" a matéria para você mesma, sabe? Uma dica super importante também é a seguinte: na hora de montar o seu resumo, não copie partes importantes do livro, realmente RESUMA o que está escrito, sabe? Tem gente que destaca as partes importantes e simplesmente reescreve em outra folha. Além de te dar um trabalhão em vão, isso não vai ajudar porque o texto continuará escrito com as mesmas palavras. A moral do resumo é selecionar as coisas mais importantes e escrevê-las de maneira mais coloquial para ser mais fácil de ser estudado. 


É isso, amores. É isso que eu faço, essas são as minhas principais dicas. Se ainda restar alguma dúvida, alguma coisa que vocês queiram saber, não deixem de comentar aqui em baixo ou enviar uma pergunta no ask.fm do blog, viu? Espero que tenham gostado do post. :)

Um super beijo e até mais.

Você talvez vá gostar

0 comentários

Mande um recadinho!

Facebook